O CAMPEÃO VOLTOU!

A Mil Por Hora

FTC_NED_RAC_Rossi-2

RIO DE JANEIRO – Quase três anos de jejum. Fazendo as contas na ponta do lápis, exatos 992 dias entre o dia 10 de outubro de 2010 e hoje, 29 de junho de 2013. Nesse período, Valentino Rossi, The Doctor, não conseguiu subir no topo do pódio.

Como convém a um mestre, a um dos maiores de sua especialidade – o maior de sua geração, sem nenhuma dúvida – coube a Rossi quebrar o incômodo tabu no templo sagrado do Mundial de Motovelocidade: o circuito holandês de Assen, chamado de “Catedral” por sua importância e por ser – durante muitos anos – uma das pistas mais seletivas e desafiadoras da modalidade.

Aos 34 anos, Rossi desafia o tempo e a si mesmo, provando a todos que ainda pode ser um vencedor. É claro que ele não tem mais o fulgor dos tempos em que enfileirou títulos e vitórias, da…

Ver o post original 240 mais palavras

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s